CNT explica as vantagens de transportar sem sobrecarga

Data: 24 de abril de 2019

2-1-24042019-minA Confederação Nacional do Transporte (CNT) divulgou, ontem (23/4), em seu site e nas suas redes sociais, o informe Transporte em Movimento – “As vantagens de transportar sem sobrecarga.” Segurança, legislação e multas foram temas analisados.

O documento da CNT mostrou que são muitos os prejuízos causados pelo excesso de carga nos caminhões e esclareceu que esta prática aumenta o custo operacional dos transportadores.

Em 2018, apenas em rodovias federais, foram contabilizadas mais de 15 mil infrações por excesso de carga. O Brasil conta, hoje, com cerca de 1,9 milhão de veículos de transporte de cargas, segundo a ANTT. Desses, 61,4% são de empresas, 37,3% de transportadores autônomos e 1,3% de cooperativas.

O informe Transporte em Movimento apresenta algumas das principais questões de interesse dos transportadores no Brasil, para que eles possam tomar decisões e se mantenham atualizados sobre os desenvolvimentos recentes e tendências previstas para o setor.

Por: Redação Na Boléia

Data: 24 de abril de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.