85% dos brasileiros aprovam a venda de carros autônomos no Brasil

Data: 05 de dezembro de 2016

Os modelos que dispensam motoristas chegam ao mercado em dez anos, mas pesquisa indica que brasileiros se preocupam com a falta de preparo das estradas
Automóveis que andam sozinhos são vistos em filmes e parecem pertencer a um futuro distante. Porém, a novidade já existe e passa por constantes testes das indústrias automobilísticas e tecnológicas – como provam os modelos Totoya Prius, Lexus RX450H e do Google. Programados por computadores, eles podem ser comandados por celulares, relógios, entre outros dispositivos.

Protótipo do carro autônomo em desenvolvimento pela gigante da tecnologia Google

Protótipo do carro autônomo em desenvolvimento pela gigante da tecnologia Google

Apesar da previsão de chegada desses veículos às concessionárias estar prevista para a próxima década, o assunto já levanta discussões. Uma pesquisa aberta aos mais de 40 mil seguidores da fanpage da Instacarro aponta que 85% são a favor da comercialização do “quatro rodas” inteligente no Brasil.
Confira como os brasileiros avaliam o carro inteligente:

• Maioria quer o carro inteligente
55,6% alegam que comprariam o auto, porque facilitaria o cotidiano. O veículo pode ser especialmente interessante para diminuir acidentes causados por motoristas que dormem ao volante, por exemplo.

• Medo da máquina no controle
O sistema enxerga 360°, é capaz de interpretar algoritmos enviados por radares para desviar de obstáculos e medir a velocidade de acordo com o que é estabelecido por cada região. Segundo um estudo realizado em 2015 pelo ONSV (Observatório Nacional de Segurança Viária) 90% dos acidentes de trânsito acontecem por falha do motorista. Ainda assim, 11% dos entrevistados alegam que não comprariam por acharem a opção perigosa.

• Modernidade não combina com os buracos
A demora da finalização de obras para melhoria nas vias apareceu como uma questão. 88,9% acham que o Brasil não está preparado para receber essa modernidade sem antes reformar ruas e estradas. A lei também é uma preocupação para quem dirige: mais de 50% acreditam que será mais difícil definir um culpado no caso de alguma ocorrência fatal.

“Nossa pesquisa demonstra que os condutores aprovam os modelos autônomos e que estão ansiosos para experimentar essa alternativa. Como fãs de carros e, principalmente, das facilidades que trazem ao cotidiano, torcemos para que essas novidades cheguem o quanto antes à realidade”, conclui Diego Fischer, CEO da InstaCarro.

Por: Redação Na Boléia

Data: 05 de dezembro de 2016

2 thoughts on “85% dos brasileiros aprovam a venda de carros autônomos no Brasil”

  1. Além da qualidade das estradas é importante pensar na segurança deste veículos, que com certeza, serão bem mais caros. A utilização de um rastreador seria muito útil.

  2. Núbia, obrigada pelo comentário. Sem dúvida, concordamos com sua opinião. Esses veículos estão em desenvolvimento e testes. Acreditamos que serão aprimorados em todos esses aspectos. Estamos sempre à disposição. Abs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.