Na Boléia

Apaixonados por Caminhões

Campanha da Goodyear oferece descontos para as mulheres

A Goodyear, fabricante de pneus presente no Brasil há mais de 100 anos, mantém a campanha especial “Mulher no volante, revolução constante”, válida até o final de março. A ação concede de R$ 10,00 em qualquer corrida pelo aplicativo de transporte feminino Lady Driver para quem inserir o código “MULHERESGOMGOODYEAR”. Além disso, essa iniciativa facilita o dia a dia das mulheres no atual cenário de cuidados com a saúde e recomendação para que as pessoas evitem aglomerações.

Com o tema “Mulher no volante, revolução constante”, o objetivo da campanha da Goodyear é ressignificar um jargão que diminui as mulheres e, dessa forma, homenagear as lutas e conquistas femininas nas últimas décadas pela igualdade de gênero.

No caso da empresa, a opção foi associar mulheres que causaram grandes impactos para o mundo automobilístico. Entre elas, estão Bertha Benz, criadora do test-drive, responsável por ajudar a aprimorar o primeiro sistema de freios e a primeira pessoa da história a dirigir um automóvel em longa distância (uma viagem de 106 km entre as cidades alemãs de Mannheim e Pforzheim); Margaret A. Wilcox, inventora do aparelho que conduzia o calor do motor para dentro do carro e que deu origem ao primeiro ar-condicionado automotivo; e Mary Anderson, que desenvolveu o limpador de para-brisa.

Outras ações da campanha incluem vídeos com mulheres inspiradoras, que têm uma atuação alinhada ao tema, dando voz em entrevistas com associadas, revendedoras, gerentes de lojas, mecânicas e clientes, que serão escolhidas pelo comitê Goodyear Women Network para serem publicados nas redes sociais (Facebook, Instagram, LinkedIn e comunicações internas).
Por fim, a Goodyear em conjunto com suas revendas está promovendo cursos de mecânica básica, com o objetivo de promover a independência das mulheres diante da manutenção dos veículos, reforçando ainda a mensagem de que o ambiente das lojas que trabalham com os pneus da marca é para todos os públicos.

Por: Redação Na Boléia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *