Na Boléia

Apaixonados por Caminhões

Volvo irá investir mais R$ 1 bilhão no Brasil até 2023

A Volvo divulgou seus resultados de 2019. Segundo a fabricante, no ano passado a companhia registrou o melhor desempenho histórico na venda de caminhões pesados no Brasil. O Grupo está renovando seus investimentos no país: serão mais R$ 1 bilhão no período entre 2020 a 2023, principalmente para pesquisa e desenvolvimento de novos produtos e serviços, além de melhoria de processos industriais e de gestão. No ranking por países, o crescimento de 2019 colocou novamente o Brasil como o segundo maior mercado de caminhões Volvo no mundo.

“O Brasil continua sendo muito importante para a Volvo. A recuperação gradativa da economia foi decisiva para o aumento das entregas e a retomada da liderança no segmento de caminhões pesados. O crescimento de 58% em 2019 nos dá a confiança para um novo ciclo de investimento para os próximos anos”, declara Wilson Lirmann, presidente do Grupo Volvo América Latina.

Os novos recursos são destinados para todos os negócios da Volvo no Brasil: caminhões pesados e semipesados, ônibus urbanos e rodoviários, equipamentos de construção, motores marítimos e industriais e serviços financeiros.

Caminhões

Em caminhões pesados, a Volvo entregou em 2019 14.505 unidades, 58% a mais que o ano anterior, conforme anunciou a empresa. As vendas de semipesados da marca cresceram 55,5. Nesse segmento, a Volvo emplacou 2.339 caminhões no Brasil, segundo dados da empresa.

O pesado FH 540 6×4 totalizou 7.135 unidades emplacadas e também na América Latina (7.271 unidades).

A Volvo ainda teve bons resultados nos demais países da América Latina. Mesmo com o mercado em queda na Argentina (1.179 caminhões), a marca ganhou market share (+5%) naquele país. A empresa também teve bom desempenho no Peru (1.292 caminhões) e também no Chile (1.182 caminhões). Na soma de todos os países da América Latina a Volvo entregou 20.665 veículos, com o Brasil representando 82% dos volumes.

No ranking por países, o crescimento de 2019 colocou novamente o Brasil como o segundo maior mercado de caminhões Volvo no mundo.

Por: Redação Na Boléia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *