Na Boléia

Apaixonados por Caminhões

Ford apresenta a nova F-150, que traz diversas novidades

A Ford apresentou a nova F-150, picape da Série F que é, há 43 anos consecutivos, o veículo de trabalho mais vendido dos Estados Unidos. A nova versão chega ao mercado norte-americano no último trimestre deste ano.

Desde 1948, os clientes da Série F confiam na Ford para ajudá-los a fazer o seu trabalho”, diz Jim Farley, diretor de operações da Ford. “A F-150 é nosso carro-chefe e produzida com o mais alto padrão para garantir que nossos clientes realizem o seu trabalho e continuem fazendo a diferença nas suas comunidades.”

A nova F-150 ganhou novos recursos, que segundo a Ford, aumentam a produtividade, além de inovações em conectividade, como atualizações sem fio, e um novo trem de força híbrido PowerBoost de 3,5 litros com gerador de força integrado, o Pro/ Power Onboard.

“Consideramos nosso dever entregar não só o que os clientes desejam e precisam, mas também o que eles nunca imaginaram ser possível”, diz Craig Schmatz, engenheiro-chefe da Ford F-150. “A F-150 será mais forte que nunca e, com atualizações completas de conectividade sem fio, abre um leque muito maior de aprimoramentos em potencial – desde atualizações do sistema até a oferta de novos recursos.”

A nova F-150 tem uma base composta por chassi fechado de aço e carroceria de liga de alumínio. Todos os seus painéis externos foram redesenhados, visando manter a aparência arrojada, incluindo novo design dos faróis, capô e para-choques envolventes. Para-lamas dianteiros mais altos, novo vinco central e pneus três quartos de polegada maiores completam o design.

A linha oferece 11 opções de grade nas diferentes versões, além de novos apliques na tampa da caçamba. As novidades incluem faróis e lanternas traseiras de LED e estribos elétricos de acionamento mais rápido para melhor acesso lateral à caçamba.

A nova F-150 também possui grade dianteira com fechamento ativo, uma nova barragem de ar ativa e a nova geometria da cabine e da tampa traseira contribuem, segundo a fabricante, para reduzir o arrasto e o consumo de combustível. O interior foi redesenhado.

A F-150 traz uma nova tela central de 12 polegadas – de série nas versões XLT e acima – que permite dividir a tela e controlar várias funções simultaneamente, incluindo navegação, música e recursos do veículo. As versões de entrada e intermediárias da XL e XLT vêm com tela de 8 polegadas. Ambas oferecem acesso ao novo manual do proprietário digital, que permite encontrar as informações com facilidade, incluindo vídeos.

O interior oferece como opcional uma bancada, o “Interior Work Surface”, que ajuda a transformar a picape num escritório móvel. Ela é ideal, por exemplo, para assinar documentos, trabalhar com um laptop de 15 polegadas ou fazer uma refeição no estacionamento. Todas as versões trazem a opção de bancos normais ou “poltrona do capitão”.

Sabendo que muitos clientes preferem o comando de câmbio no console, a Ford criou na F-150 uma alavanca retrátil que se dobra , ao apertar de um botão, e deixa o espaço livre para o trabalho quando estacionada.

As versões King Ranch, Platinum e Limited contam com a opção dos exclusivos bancos Max Recline, que reclinam a quase 180 graus, com o assento subindo para se juntar ao encosto e a parte superior girando para a frente até 10 graus para total comodidade.

A F-150 também ganhou a opção de um compartimento com chave sob o banco traseiro para guardar objetos de valor ou longos, como varas de pesca ou plantas de arquitetura, e tem ainda um divisor para manter tudo organizado.

A picape vêm de série com novos grampos nas laterais da tampa da caçamba para a amarração de objetos longos, além de novas braçadeiras embutidas.

Potência

O novo trem de força híbrido PowerBoost V6 de 3.5 litros foi projetado para gerar o maior torque e a maior potência da categoria. Disponível para todas as versões da F-150, da XL à Limited, ele é um sistema híbrido completo, adicionando torque elétrico instantâneo ao motor EcoBoost V6 de 3,5 litros da Ford. Ele tem uma autonomia estimada pela EPA de mais de 1.100 km e capacidade máxima de reboque de pelo menos 5.400 kg.

O PowerBoost combina o reconhecido motor EcoBoost da Ford e a transmissão automática SelectShift de 10 velocidades com um motor elétrico de 35 kW (47 cv de potência) integrado à transmissão, além de um software calibrado especialmente para uso em picapes, incluindo modo de direção com carga /reboque.

O motor elétrico usa a frenagem regenerativa para recarregar a bateria de íons de lítio de 1,5 quilowatt-hora. A bateria é instalada de forma eficiente sob a picape, sem tirar espaço da cabine e da caçamba, e pode ser usada em ambientes com temperaturas extremas ou com carga pesada.

Por Redação Na Boléia



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *