Na Boléia

Apaixonados por Caminhões

Conheça os cuidados necessários para o transporte do morango

Esta fruta tão saborosa está definitivamente entre as preferidas dos brasileiros. O morango possui sabor realçado e único, no entanto, tem um preço: a sua difícil conservação. A manutenção da temperatura durante o transporte é essencial para que sua integridade seja mantida.

Após a colheita, o produtor deve se atentar à embalagem correta. As caixas precisam ter furos e o filme de proteção tem de ser fino para evitar a fermentação dos frutos. As caixas devem ser feitas de papelão rígido ou madeira, para que não haja desmoronamento e consequente esmagamento. Feito isso, o armazenamento precisa ser refrigerado até o momento do transporte da fruta.

Para o transporte, é importante ressaltar que é necessário fazer o pré-resfriamento do baú. Se isso não ocorrer, os morangos podem murchar rapidamente por perderem água devido ao calor.

A câmara fria deve se manter a 1°C e a umidade relativa entre 90% e 95%. De acordo com Roberto Hira, Gerente de planejamento e atendimento ao cliente da Thermo King, empresa que produz soluções para o controle de temperatura para o transporte, o responsável por levar a mercadoria até o seu destino precisa verificar esses dois fatores em especial.

O morango é uma fruta muito delicada. Para que suas qualidades sensoriais (Sabor, cor e textura) sejam inteiramente conservadas, há de se atentar a alguns fatores importantíssimos: manuseio pós-colheita, embalagem adequada, umidade e temperatura. Se um destes não estiver de acordo, a integridade dos frutos fica comprometida. Durante o transporte o motorista pode fazer o monitoramento da temperatura por meio do controlador do equipamento de refrigeração“, explica.

Se houver a mistura com outras cargas, é aconselhável checar a temperatura de transporte dos outros produtos antes do carregamento para que os morangos não sofram danos por conta do contato com produtos de diferentes temperaturas.

Outro ponto importante ao se transportar cargas diferentes é o cuidado com a transferência de aromas indesejados. Cebolas, por exemplo, podem passar aromas para outros produtos interferindo no sabor.

Por Redação Na Boléia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *