Volkswagen Caminhões abre novas concessionárias na América Latina

Data: 20 de fevereiro de 2019

2-1-20022019minA Volkswagen Caminhões e Ônibus expandiu suas operações na América Latina, inaugurando duas novas concessionárias. No último mês, o México ganhou a concessionária Remasa, em Durango, enquanto na Argentina quem abriu as portas foi a Glazen, em Chavo. Ambos são pontos estratégicos nas rotas de veículos comerciais.

A Volkswagen Caminhões e Ônibus segue focada em seu plano de internacionalização. A inauguração da Remasa, em Durango, está em linha com o plano de crescimento da operação local da Volkswagen Caminhões e Ônibus e representará também a marca MAN em vendas e pós-vendas.

Com instalações de quase 18 mil metros quadrados, 20 baias de serviços e 32 profissionais qualificados, o estabelecimento está numa localização privilegiada: uma zona de alto fluxo de caminhões, já que é um ponto estratégico próximo ao Oceano Pacífico e também ligação entre o ocidente e o norte do país.

“Estamos convencidos de que será um sucesso na região e referência de qualidade e serviços em pós-vendas a nossos clientes. A incorporação da Remasa em nossa rede de concessionárias se alinha à nossa estratégia de crescimento para este ano”, afirma Leandro Radomile, diretor geral da operação da Volkswagen Caminhões e Ônibus no México.

A Divisão de Caminhões e Ônibus da Volkswagen Argentina também segue ampliando sua rede no país. Desta vez, inaugura um novo ponto de vendas e pós-vendas em Chaco: a concessionária Glazen.

“A província de Chaco tem muito potencial com o cultivo de algodão e soja, além da criação de gado e cultivo de espécies florestais. A região chega a responder por 6% do mercado total de caminhões na Argentina. Por isso, buscamos essa expansão”, avalia Federico Ojanguren, gerente geral da Divisão de Caminhões e ônibus da Volkswagen Argentina.

2-2-20022019-minO novo concessionário ocupa uma área de cinco mil metros quadrados. A construção oferece uma oficina com capacidade para atender seis caminhões simultaneamente, o que permite realizar mensalmente mais de 140 intervenções de pós-vendas, principal negócio no segmento de pesados para a marca na região. Ao todo, são 13 colaboradores distribuídos nos diferentes atendimentos e expediente de rotina.

 

 

 

 

 

2-3-20022019-min

Por: Redação Na Boléia

Data: 20 de fevereiro de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.