Ford testa nova plataforma de soluções de mobilidade em cidades

Data: 31 de outubro de 2019

6-2-31102019A Ford usou a cidade de Ann Arbor, em Michigan, EUA, como laboratório para testar uma plataforma de software que permite enxergar todo o sistema local de transporte e simular novas soluções de mobilidade – a Ford City Insights. A experiência foi um sucesso e, agora, ela está sendo levada para outras cidades norte-americanas, incluindo Austin, Indianápolis, Pittsburgh e Detroit.
Além de informações do trânsito, a plataforma combina dados demográficos, de estacionamento e de segurança da cidade para que os planejadores possam testar várias propostas antes da sua adoção no mundo real. A visualização da cidade e das simulações é facilitada por um modelo digital construído com seis telas de LCD e prédios em miniatura impressos em 3D – o City Insights Studio.

Para enfrentar a complexidade de reunir todos esses dados numa única plataforma, a Ford contou com várias parcerias. O projeto em Ann Harbor foi feito junto com a autoridade municipal de trânsito, órgãos municipais e estaduais de desenvolvimento econômico e o Instituto de Pesquisa do Transporte da Universidade de Michigan. Com um centro movimentado, um grande sistema hospitalar e uma famosa universidade, a cidade cresce 11% ao ano e havia a preocupação de saber se teria vagas suficientes para acomodar todo esse tráfego.

Com as ferramentas da Ford City Insights os administradores puderam ter, pela primeira vez, uma visão abrangente de todas as vagas de estacionamento da cidade e do fluxo de trânsito num período médio de 24 horas. Inicialmente, pensava-se que ela necessitava de mais vagas, mas o estudo mostrou que seria melhor facilitar o acesso dos motoristas aos estacionamentos – um desafio menos dispendioso.

6-3-31102019“Isso mostra como a tomada de decisão sobre questões que envolvem alto custo pode ser melhorada com esse tipo de análise”, diz Brett Wheatley, vice-presidente de Marketing e Crescimento da Mobilidade da Ford.

No aspecto de segurança, a plataforma permite combinar os registros de acidentes da polícia e de outras fontes com os dados de veículos conectados para identificar as áreas com alta probabilidade de acidentes. Locais onde os motoristas freiam ou aceleram bruscamente, por exemplo, podem indicar cruzamentos perigosos.

A plataforma Ford City Insights pode contribuir também para melhorar os serviços municipais. As autoridades de Ann Arbor usaram essa funcionalidade para estudar a dificuldade de acesso dos caminhões de lixo em becos, que gera congestionamentos e afeta a qualidade de vida dos moradores. Futuramente, ela servirá também para explorar como os veículos autônomos poderão ser integrados à rede de transporte de cidades de todo o mundo.

 

6-1-31102019Por: Redação Na Boléia

Data: 31 de outubro de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.