Evento orienta caminhoneiros sobre prevenção do câncer de próstata

Data: 26 de novembro de 2015
Postado em: Saúde

Em ação de apoio ao Novembro Azul, Arteris e Associação pela Saúde da Próstata conscientizam motorista na Fernão Dias. Pesquisa também mostra principais problemas de saúde dos profissionais

Nesta quarta-feira (25), caminhoneiros que trafegam pela rodovia Fernão Dias tiveram oportunidade de saber mais sobre um mal que aflige muitos brasileiros: o câncer de próstata. Em apoio ao Novembro Azul, a Arteris, empresa que administra a rodovia, promoveu edição especial do evento Saúde na Boleia, em Atibaia, para levar aos motoristas informações sobre prevenção e diagnóstico precoce da doença.

“Apesar de ter um alto índice de cura, o câncer de próstata ainda é uma das principais causas de morte entre os homens. Na maioria das vezes devido ao diagnóstico tardio”, afirma o presidente da Associação pela Saúde da Próstata, parceira na ação, Evaldo Engler. “Como os caminhoneiros têm pouco acesso ao sistema de saúde, poder abordar os profissionais nas estradas é uma grande oportunidade para levar informações que podem salvar vidas”.

A edição especial do Saúde na Boleia tem como principal objetivo alertar os profissionais sobre a necessidade de buscarem ajuda médica e identificar o quanto antes a doença. “No evento, os motoristas também recebem um questionário para identificação de possíveis sintomas. A depender da pontuação no teste, ele é orientado a procurar um médico para exames clínicos mais completos”, explica o coordenador do Saúde na Boleia, Willian Castro.

E as atividades do Saúde na Boleia foram além da conscientização. No local, foram realizados exames básicos de saúde como aferição de pressão arterial, glicemia e avaliação de IMC (Índice de Massa Corpórea), além de orientações clínicas e cardiológicas e massagem.

Valdir Alves da Silva, motorista que passou pelo evento, aprovou a iniciativa. “É muito bom participar de um programa assim. A maioria dos caminhoneiros não faz exercícios, come e dorme mal. Aqui temos acompanhamento médico e isso é muito importante. Sempre que souber, vou parar e participar”.

Pesquisa
A necessidade de cuidado com a saúde do caminhoneiro fica evidente com os dados do levantamento feito pela Arteris com 5 mil motoristas. A pesquisa revela que é alta a incidência de sobrepeso, hipertensão e altas taxas de colesterol.

Quase 33% dos motoristas ouvidos são obesos, 34% estão com sobrepeso, 14% apresentam colesterol alto, 11% sofrem com hipertensão, 13% com índice de triglicérides alto e outros 14% possuem glicemia alta. Cerca de 30% dos caminhoneiros possuem planos de saúde, mas muitos não podem usufruir, já que grande parte dos convênios atendem regionalmente.
O descanso dos motoristas também foi avaliado. “Nas campanhas realizamos testes com os participantes e registramos que 10% estavam na faixa mais alta na Escala de Sonolência de Epworth, o que indica um risco 70% maior de sofrer acidente automobilístico”, destaca Castro.

Campanhas Arteris
O Saúde na Boleia é uma das ações da Arteris para promover o bem-estar e a segurança dos usuários de rodovias. As nove concessionárias da companhia mantêm ações contínuas de conscientização junto a motociclistas, pedestres e ciclistas. A segurança no trânsito também é abordada em sala de aula por meio do Projeto Escola Arteris, que atende mais de 250 mil estudantes de 127 cidades vizinhas às rodovias administradas pelo Grupo.

“Além de conscientizar os usuários, promovemos a cidadania entre as pessoas beneficiadas pelos programas. Trabalhamos ativamente para humanizar o trânsito e promover o bem-estar de quem trafega por nossas rodovias”, conclui a gerente de responsabilidade social da Arteris, Alessandra Vasconcelos.

Por: FSB Comunicações

Data: 26 de novembro de 2015
Postado em: Saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.