Dicas que podem contribuir para um trânsito mais seguro

Data: 17 de outubro de 2018

2-1-17101985-minO Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP) tem orientado os motoristas para a educação no trânsito, comportamento que pode evitar brigas, multas e acidentes graves. O fato é que certas atitudes, como buzinar, ultrapassar pela direita, furar o farol, parar em cima da faixa de pedestre ou fechar o cruzamento só fazem piorar o trânsito e deixam os motoristas mais estressados, além de gerarem multas com pontos na CNH.

Todos nós podemos adotar medidas simples e conscientes para tornar o trânsito menos violento e mais humanizado. Basta seguir a lei e respeitar o próximo.

Veja alguns exemplos:

1) Dar preferência ao pedestre, não invadir a faixa e aguardar a travessia com calma, sem acelerar;
2) Dar passagem ao outro motorista que está sinalizando a intenção de mudar de faixa;
3) Não gritar com os demais usuários do trânsito, nem reagir a xingamentos ou provocações;
4) Pedir desculpas quando errar e relevar os erros dos outros motoristas, afinal, quem nunca comete erros?
5) Ter paciência com idosos e condutores sem experiência;
6) Não estacionar em fila dupla, nem em frente a garagens;
7) Não usar a buzina insistentemente ou sem necessidade;
8) Sempre usar a seta para mudar de faixa, para fazer conversões ou para indicar a intenção de estacionar;
9) Manter distância segura e respeitar o ciclista;
10) Não trafegar pelo acostamento;
11) Respeitar as vagas especiais (deficientes, idosos e gestantes);
12) Ser educado ao pedir passagem para outro veículo;
13) Respeitar a sinalização e os limites de velocidade;
14) Não ultrapassar pela direita;
15) Não usar farol alto sem necessidade;
16) Dar espaço e aguardar, sem pressionar, o motorista que precisa estacionar.

Por: Redação Na Boléia

Data: 17 de outubro de 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.