Dicas para dirigir com segurança em dias de chuva

Data: 19 de janeiro de 2018

Dicas para dirigir com segurança em dias de chuvaO verão se caracteriza, especialmente, nas regiões centro-oeste, sul e sudeste do País, com períodos de muita chuva. Quem está no trânsito, deve ficar atento aos perigos, como a aquaplanagem. Também conhecido como hidroplanagem, esse efeito descreve a falta de contato ou atrito dos pneus com o chão quando a pista está molhada ou com poças d’água. Essa instabilidade pode fazer com que o carro derrape e o condutor perca o controle, ocasionando até mesmo acidentes.

Leandro Richter, da DPaschoal, explica que os pneus lisos e sem calibragem estão mais sujeitos a enfrentar a aquaplanagem, bem como veículos mais leves e em alta velocidade. “Além de reduzir a velocidade e manter a direção firme, calibrar sempre os pneus é um dos principais fatores que ajudam a evitar a hidroplanagem em dias chuvosos. Checar e ajustar a pressão de ar das rodas a cada 15 dias, por exemplo, pode ajudar a evitar esse e outros transtornos”. Além da prevenção, no momento de passar por poças ou pistas molhadas, evite frear bruscamente e movimentar o volante de forma ríspida.

Veja vídeo, produzido pelo Centro de Tecnologia, Treinamento e Inovação da DPaschoal, para possível entender melhor como os pneus carecas prejudicam o motorista quando a pista está molhada – tanto no controle do veículo, no momento das curvas, quanto na hora de frear.

 

Algumas dicas do Detran.SP

Confira a seguir algumas dicas do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP) para dirigir em dias de chuva:

• Mantenha distância do carro da frente, já que a pista tende a ficar escorregadia.
• Assim que a chuva começar, a primeira ação é ligar o limpador de para-brisa. Ajuster a velocidade do limpador de acordo com a intensidade da chuva. Esse equipamento é essencial para melhorar a visibilidade, por isso, é importante sempre verificar a condição das borrachas.
• Caso a chuva esteja muito forte e o motorista fique sem nenhuma visibilidade, é indicado parar em um local seguro e aguardar a chuva diminuir.
• Em dia chuva, com os vidros fechados, a tendência é o para-brisa embaçar e piorar a visibilidade. Para desembaçar, quem tem ar-condicionado basta acionar o botão do desembaçador, colocar a ventilação no máximo na direção do para-brisa e acionar a passagem de ar externo. O ar quente também serve para desembaçar.
• Manter o farol baixo ligado melhora a visualização dos veículos, principalmente se houver neblina. Nestas condições, nunca use farol alto, pois o reflexo da luz vai ofuscar a visão dos demais motoristas. Também nunca use o pisca-alerta com o carro em movimento, pois o motorista de trás pensará que seu veículo está parado.
• Para os motociclistas os riscos ao dirigir durante a chuva são ainda maiores, já que a visibilidade fica prejudicada, o que pode dificultar manobras para desviar de eventuais obstáculos na via, como buracos ou objetos.
• Outra dica é ter cuidado ao acelerar ou fazer uma curva em cima de uma pintura no asfalto. A tinta diminui a aderência do pneu, então é preciso evitar passar em cima delas quando possível.

 

Mais orientações

Com o objetivo de auxiliar os condutores que vão viajar em dias de chuva, o coordenador dos centros Automotivos Porto Seguro, Ronaldo Espindola, destacou algumas dicas para uma viagem segura em tempos de chuva:

• Dias chuvosos requerem o farol aceso, porque tendem ser naturalmente mais escuros. Por isso e por uma questão de segurança, o motorista deve estar atento na revisão das luzes dos faróis e lanternas.
• Manter o sistema de freios, que inclui discos, cilindros etc., em boas condições é essencial para o bom funcionamento do veículo e para garantir a segurança do motorista. Por isso, é importante que o motorista se atente a ruídos ou demora ao frear, pois são alguns indícios da necessidade de manutenção.
• É necessário realizar manutenção das entradas de ar e do sistema de ventilação, independentemente do veículo possuir ou não ar-condicionado, já que, em casos de opacidade do vidro, eles resolvem o problema de maneira mais rápida, evitando que o motorista corra riscos.
• Em casos de enchentes, não é recomendável que o motorista ligue o carro. Isso porque, a invasão da água pode causar a paralisação e até a perda do motor. O recomendável é que o motorista mantenha a calma e acione o guincho. Após a retirada do veículo com segurança, o motorista deve levá-lo para uma revisão geral.

 

Veja o vídeo

Por: Redação Na Boléia

Data: 19 de janeiro de 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.