Causas de acidentes e mortes mais comuns em rodovias nos feriados

Data: 20 de novembro de 2018

2-20112018-minO Centro Multidisciplinar em Sonolência e Acidentes (CEMSA) estima que de 7 mil a 9 mil pessoas morrem por ano vítimas de acidentes de trânsito ocasionados por cochilos ao volante. Já o Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV), indica que sonolência e cansaço são responsáveis por 50% dos acidentes em rodovias – esses fatores são tão arriscados quanto dirigir sob efeito de álcool, inclusive.

Quais são as infrações mais comuns em rodovias nos feriados?

Excesso de velocidade, direção sob efeito de álcool, uso de celular ao volante, falta do uso de cinto de segurança, ultrapassagens irregulares e farol baixo desligado estão entre as infrações mais recorrentes nas rodovias brasileiras. No feriado de Finados, por exemplo, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) atendeu a 682 acidentes, com 852 feridos e 59 mortes nas rodovias federais do país. Na batalha contra a embriaguez ao volante, a PRF realizou 8.186 testes de alcoolemia, sendo que 694 motoristas foram reprovados.

Segundo o Observatório Nacional de Segurança Viária, quase 40 mil pessoas morrem por ano no Brasil em decorrência de acidentes de trânsito. No mundo, o país é o quinto recordista, atrás somente da Índia, China, Estados Unidos e Rússia, de acordo com relatório da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Por: Redação Na Boléia

Data: 20 de novembro de 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.